Bungee jump na África do Sul

Bungee jump
Bungee jump na África do Sul

Quem aí é fã de esportes radicais? Eu adoro, mas sou meio medrosa. Durante a viagem à África do Sul, criei coragem e saltei da Bloukrans Bridge, onde está em operação o maior bungee jump em ponte do mundo, com 216 metros de altura. Que emoção, minha gente!

Como chegar:

Me hospedei na Cidade do Cabo e, de lá, fiz uma viagem de carro pela estrada N2, passando por praias como Hermanus e Buffels Bay, até chegar ao parque Tsitsikamma, que faz parte da famosa Garden Route, a Rota Jardim. Foram cerca de 12 horas, pois parei em diversos pontos ao longo do caminho (saí às 6h). Se você seguir direto, chegará em aproximadamente sete horas.

Passei uma noite num hostel dentro do parque e, no dia seguinte, depois de fazer uma trilha nesse local, parti para a Bloukrans Bridge, onde funciona a empresa Face Adrenalin, que oferece o serviço de bungee jump. É bem fácil encontrar tudo pelo Google Maps, mas, se estiver sem internet ou com sinal precário, basta seguir as placas. A sinalização é ótima por lá.

Estrutura:

Logo na entrada, fica o estacionamento. Perto dele, os banheiros. Segui direto para a bilheteria para comprar o salto. É possível adquirir também vídeos e fotos (ou apenas um dos dois), mas o pagamento só é feito depois de o cliente checar se gostou do material.

Há ainda uma lanchonete logo na entrada onde são servidos bons sanduíches e outras guloseimas. É possível acompanhar todos os saltos dali por uma televisão. Quem preferir pode assistir direto de um mirante.

A ponte fica aberta das 9h às 17h. Fui em julho, baixa temporada, e, por isso, não comprei antes pelo site. Até porque não sabia se desistiria na hora. Então, em caso de certeza absoluta, faça a reserva e ganhe fotos do salto grátis (geralmente, essa promoção vale para épocas de menor procura). Já na alta temporada, pode ser que fique bem cheio. A solução é chegar lá cedo para garantir uma vaga ou, como já expliquei, recorrer à reserva na página da Face Adrenalin.

Bloukrans bridge
Bungee jump na Bloukrans Bridge

Preços:

O salto custa 950 rands por pessoa (cerca de R$ 300). Já quem tem curiosidade de conhecer a ponte de perto, mas não quer pular, pode pagar apenas pelo tour e caminhar por ela. Sai a 150 rands. Eu não recomendo essa última opção. É um trajeto supercurto, bem sem graça. Mas, se você fizer questão de apreciar a linda vista, vale a pena.

Já pelo combo fotos e vídeos eles cobram 400 rands por pessoa, mas, como eu e meu namorado colocamos tudo num único pendrive, o valor caiu para 350. Vale frisar que a qualidade é excelente.

A idade mínima para o salto é 14 anos. A equipe é muito simpática e bem treinada. Eles dão todas as instruções com cuidado e procuram tranquilizar todos antes da aventura.

O salto de bungee jump:

Após o pagamento, é feita a pesagem de cada pessoa. Em seguida, fui direcionada a um quiosque onde recebi o equipamento de segurança. Depois, um instrutor leva um grupo e, antes de começar a andar na ponte, ele dá algumas instruções.

Dá para levar aparelhos eletrônicos sem problemas. A equipe fica de olho nos pertences. Então, é só esperar a vez e saltar. A queda dura no total uns dez segundos. Que adrenalina!!!! É bom demais!!!

Logo na sequência, já surge um funcionário descendo de rapel para fazer o resgate rs. Achei tudo muito seguro. Nos disseram que nunca houve acidentes no local. Ao final, ainda ganhei um certificado atestando minha bravura 🙂

E aí? Vai encarar também?

Leia também:

Passeio de balão na África do Sul: conheça o Bill Harrop’s Balloon Safari

Franschhoek Wine Tram: passeio de trem pelas vinícolas da África do Sul

Como chegar à Table Mountain, na África do Sul

Cidade do Cabo, África do Sul: onde ficar? Conheça o hostel Atlantic Point

Bungee jump
Bungee jump na África do Sul
Bungee jump
na África do Sul
Bungee jump
Bungee jump na África do Sul
Bungee jump
Bungee jump na África do Sul
Bungee jump
Bungee jump na África do Sul

*Viagem realizada em julho/17

12 Responses

  1. Mariana Bueno

    Nossaaaa, que coragem! Eu sou bem medrosa e acho que nunca faria nada desse tipo rsrsrs Mas admiro quem faça pq acho que deve ser uma experiência inesquecível mesmo. Parabéns!!!

  2. Amanda Saviano

    Que experiência bacana! Não sei se eu teria coragem hahaha a África do Sul sempre cheia de aventuras a oferecer!

  3. Analuiza

    Nunca, jamais em tempo algum! Tenho pavor de altura e esta adrenalina não me atrai… rsrsrsr Mas admiro quem se joga, principalmente quem vence o medo como você. ehehe As fotos ficaram iradas! 🙂

  4. amamelo

    Que massa! Tô indo pra África agora em janeiro, mas não tenho tanta coragem! Parabéns!

  5. Gabriela Torrezani

    hahahaha eu adoraria!!!!!!!! tenho um pouco de medo de bunguee jump em si, essa coisa de ficar presa pelo pé, mas não do esporte radical e nem de queda livre. adorei ver as suas fotos! vc parece super feliz 🙂

Deixe uma resposta