Os lindos lagos Konigssee e Obersee, na Alemanha

postado em: Berchtesgaden | 9

“Maravilhosamente clara água. No lindo lago do amor”. O trecho da música de Gonzaguinha é perfeito para abrir um post sobre Konigssee e Obersee, lagos do município de Schönau am Königssee, no sul da Alemanha. Vendo a foto abaixo, vocês devem concordar comigo, né? 🙂

Konigssee
Lago Obersee

Como chegar:

Schönau am Königssee fica no distrito de Berchtesgaden, a cerca de duas horas de carro de Munique (quase 160km seguindo pela rodovia A8), na Alemanha. Eu preferi sair de Salzburgo, na Áustria (veja dicas). É bem mais perto: de carro, aproximadamente meia hora, pela B305.

Optei pelo transporte público, já que alugar um veículo em Salzburgo é a maior burrice do mundo rsrs. O sistema deles, de muita qualidade, funciona perfeitamente. Peguei o ônibus 840 na Alpenstrasse, no ponto H, bem em frente à loja DanKüchen (pertinho do Motel One Salzburg Süd, ótimo hotel onde eu estava hospedada). Custou 10,20 euros ida e volta (valor em agosto de 2018). O bilhete é adquirido com o próprio motorista.

Recomendo ir bem cedo porque o passeio é longo. Além disso, quanto mais tarde, maior a chance de encontrar os lugares cheios. O ônibus passou umas 8h30 (se não era o primeiro do dia, foi um dos primeiros). Atenção porque no fim de semana esse horário pode mudar. Melhor checar aqui.

Cheguei por volta das 9h ao ponto final em Berchtesgaden, um terminal de onde saem várias outras linhas. De lá, às 9h15, peguei o 841 rumo a Konigssee. Usei o mesmo bilhete do ônibus 840 porque me informei e compreendi que ele dava direito ao trajeto seguinte. Espero ter entendido certo! Nesse terminal, o passageiro tem acesso a wi-fi sem qualquer custo. E há um mural com a lista dos horários certinhos de todas as linhas. É bom para programar o retorno.

Depois de uns dez minutos de viagem, saltei. É preciso caminhar até o ponto de onde saem os barcos e onde se localiza a bilheteria. Não tem erro: basta seguir o fluxo e olhar as placas, é uma linha reta. O estacionamento por lá é pago, mas não sei quanto custa.

Os lagos Konigssee e Obersee:

Seelände é o ponto de partida. O barco para em Kessel só quando solicitam. De lá saem trilhas longas

Existem dois tipos de ingressos do passeio de barco: São Bartolomeu e Salet (que inclui uma parada em São Bartolomeu). Não ouse fazer a besteira de comprar o primeiro. Você tem que ir a Salet para conhecer o maravilhosoooo lago Obersee. Esse segundo bilhete custa 19 euros (ida e volta). Para São Bartolomeu somente, sai a 15,50, ou seja, nem é uma economia enorme. Porém, infelizmente a ida para Salet só está disponível no verão. Na atual temporada, de 15 de outubro de 2018 a 18 de abril de 2019, só rola ir a São Bartomoleu. Confira aqui o calendário para ficar por dentro e programar sua viagem.

As saídas dos barcos acontecem a partir de 9h15, a cada meia hora. São cerca de 20 minutos de travessia até São Bartolomeu. Durante o percurso, um guia explica toda a história do lago Konigssee, que é considerado o mais limpo da Alemanha. Ele inclusive toca um trompete e o som ecoa. É bem interessante.

Início do passeio pelo lago Konigssee
Vista da igreja São Bartolomeu durante o passeio de barco

Em vez de desembarcar em São Bartomoleu, preferi seguir logo até Salet. Então, permaneci na embarcação por mais 15 minutos. Ao descer, caminhei por uns 15 minutos até o lago Obersee. Trilha fácil, sem qualquer complicação. Perfeita para todas as idades.

Trilha para o lago Obersee
Lago Obersee
Lago Obersee

Ao avistar o lago, é impossível não ficar muito impressionado. Sem sombra de dúvida, um dos lugares mais incríveis que já visitei. Depois de muitas fotos, voltei pela mesma trilha e parei num restaurantezinho simpático. Para comer, escolhi a famosa Torta Sacher, um doce clássico inventado na Áustria e feito com chocolate e geleia de damasco. No cardápio estão disponíveis várias opções de pratos salgados, como o típico Schnitzel (carne de porco empanada) a 12,50 euros.

Torta Sacher

Então, peguei novamente o barco para São Bartolomeu. Lá se encontra uma igrejinha linda. Há vários banquinhos ao redor do lago Konigssee para sentar e apreciar a paisagem. Nessa parte, também existem restaurantes (a maioria dos pratos é com peixe), banheiros e lojas de souvenir.

Igreja São Bartolomeu
Lago Konigssee

O último barco para o Konigssee parte às 16h10 do píer. A última volta de São Bartolomeu acontece às 16h50. Os horários podem mudar conforme a época. Então, é válido consultar aquele calendário que citei anteriormente.

Embarque e desembarque em São Bartolomeu

Ao final do passeio para os lagos Konigssee e Obersee, optei por um pequeno lanche. Lembram que falei da caminhada desde o ponto de ônibus até o local de embarque e desembarque dos barcos? Ao longo desse trajeto, é possível encontrar lojas de roupa, restaurantes e barraquinhas de doces e salgados. Comi um pão com salsicha e mostarda muito gostoso a 3,50 euros. Vi que os crepes custavam 1,80. No geral, os preços são bem em conta.

Soube que, a cinco minutos do píer, está o teleférico Jennerbahn. Não consegui ir, mas parece que a vista lá de cima é linda. Custa 22 euros (ida e volta). Dá para subir a pé também e tem restaurante no topo.

E indico uma visita ao Ninho da Águia, antigo refúgio de Hitler. É só pegar o ônibus 841 de volta ao terminal e, de lá, o 838. Todas as dicas AQUI.

LEIA MAIS:

Zugspitze, a montanha mais alta da Alemanha

Rota dos Alpes na Alemanha: conheça Alpspitze

O que conhecer em Salzburgo

Visitar Hallstatt é um ótimo passeio bate e volta a partir de Salzburgo

9 Responses

  1. Marcela

    Que lugar maravilhosooooo! Eu não acredito que fui pra Salzburgo e não fiz esse passeio 🙁
    Adorei seu texto, dicas perfeitas, obrigada por compartilhar!

  2. Lulu Freitas

    Que passeio maravilhoso!!!! Nunca tinha ouvido falar nesses lagos. Fiquei maravilhada. Engraçado ser mais fácil conhecer saindo da Áustria. Pelo que percebi do seu post, a fronteira é livre sem qualquer controle, né?

    • De Boa na Trip

      Isso. Entrando por Salzburgo, nenhum controle.

  3. Christian Gutierrez

    Amei esse lindos lagos Konigssee, qual a melhor época visitar os lagos?

    • De Boa na Trip

      Olá, Christian. Como expliquei no post, a visitação ao Obersee só está disponível no verão. Então, para ter a chance de conhecer os dois lagos, melhor ir no verão.

  4. Andrea

    Desconhecia estes lagos da Alemanha, são realmente lindos, assim como a natureza que os rodeia. O tipo de passeio que eu adoro.

  5. Mariana

    Não sabia dos lagos Konigssee e Obersee. Mas achei lindo demais. Tenho muita vontade de voltar à Alemanha e incluirei no meu roteiro em uma futura viagem. Espero que não demore muito! 🙂

Deixe uma resposta