Onde comer em Sevilha: os melhores restaurantes e bares de tapas

postado em: Sevilha | 5

Apreciar a culinária local é parte importante de qualquer roteiro de viagem que se preze. Quem for a Sevilha não pode deixar de lado as tapas, como são conhecidas aquelas pequenas porções de pratos típicos do país, a exemplo da paella e das papas bravas. A agradável cidade universitária, localizada a quatro horas de carro de Lisboa, em Portugal, reúne ótimos bares que servem esses aperitivos, além de excelentes restaurantes. Neste post, veja onde comer em Sevilha.

Antes de falar dos locais, duas dicas. Sevilha tem quatro pontos de concentração de bares e restaurantes. A Alameda de Hércules, as proximidades da Plaza de España, o bairro Triana e as ruas perto da catedral.

Importante destacar ainda que a grande maioria dos estabelecimentos serve o chamado comensal sem o cliente pedir. Trata-se de um couvert, geralmente com azeitonas e uns biscoitinhos salgados. Se você não quiser, peça imediatamente para o garçom retirar. Caso contrário, será cobrado (custa de um a dois euros), mesmo que nem chegue a tocar na comida. Nos primeiros dias, não consumi e, ao final, pedi para retirarem da conta. Os garçons ficaram bem irritados.

Ah, todos cobram 10%, ok? Os valores aqui apresentados são de agosto de 2019, quando aconteceu a minha viagem.

ONDE SE HOSPEDAR EM SEVILHA?

Duo Tapas:

Um dos meus preferidos em Sevilha. Fica bem cheio a partir das 20h, aproximadamente. Por isso, convém chegar cedo ou reservar com antecedência.

O ambiente é moderninho, bem simpático. Resolvi provar várias tapas. Comecei pelas papas bravas, que nada mais são que batatas preparadas com um molho especial. Em seguida, polvo com batatas. O terceiro prato foi o risoto de cogumelos. E o quarto, um frango com molho mostarda verde. Tudo sem defeitos, de comer rezando. Para concluir, uma cheesecake (tarta de queso) com calda de frutas vermelhas. Sensacional.

Onde comer em Sevilha: Duo Tapas
Papas bravas
Polvo com batatas
Risoto de cogumelos
Tarta de queso
Onde comer em Sevilha: Duo Tapas

Pelayo Bar:

Também adorei este. Está localizado bem próximo da Catedral de Sevilha. Fica lotado depois das 19h, com fila. O espaço é muito bem decorado e espaçoso. Considerei o atendimento ótimo. Pedi batatas com carne (quatro euros); paella (espetacular, por 7,50 euros) e tortilla (ótima também, por 3,50). Bons preços, portanto.

Onde comer em Sevilha: Pelayo Bar
Tortilla e carne com batatas
Paella

Alcázar Andalusí Tapas:

O Alcázar não tem o charme dos citados acima, mas a qualidade da comida é boa. Fica na Alameda de Hércules. Primeiro, pedi ovos mexidos com batatas, chorizo e espinafre (foto abaixo). Custou oito euros. Gostei bastante. Provei também as croquetas de jamón (croquetes de presunto). Duas por 3,50 euros. Estavam saborosas. Entretanto, não se destacaram tanto.

Onde comer em Sevilha: Alcázar Andalusí

100 Montaditos:

Ah, eu amooo. É ideal para quem está com pressa e quer fazer um lanche rápido. Essa rede está espalhada por toda a Espanha e faz o maior sucesso pelos preços superbaratos. Ela vende sanduíches pequenos dos mais variados sabores. Por exemplo, jamón serrano com queijo, salmão defumado com cream cheese, queijo com tomate e azeite, tortilla etc. Todos vêm acompanhados de batatas chips. Às quartas e aos domingos, eles entram em promoção e custam um euro.

Onde comer em Sevilha: 100 montaditos
Onde comer em Sevilha: 100 Montaditos

Maestro Marcelino:

Este lugar é outro achado. Um barzinho tranquilo, onde se pode comer embutidos e provar bebidas típicas, como jerez. O povo lá é simpaticíssimo e atencioso. Escolhi uma seleção de queijos (oito euros) e uma chacina ibérica (carne de porco), a três euros. Tem diversos produtos à venda lá, como geleias, doces, enlatados etc. Boa ideia para souvenir, né?

Onde comer em Sevilha: Maestro Marcelino

El Sanedrín:

É indicado no TripAdvisor como um dos locais tradicionais para comer tapas em Sevilha. O bar tem mesas externas e internas e é bem agradável. As tapas (croquetas e massa com camarão, na foto a seguir) estavam boas. Contudo, não chamaram tanto a atenção.

Onde comer em Sevilha: El Sanedrín

Senza:

Vi no Google que aparentemente agora se chama Burro Canaglia Bar. Deixo os dois nomes aqui, então rs. Achei o lugar metido à besta. Até os garçons são nariz em pé. Mas a comida estava excelente. Comi um risoto de pera com gorgonzola deliciosooo. O prato é muito bem servido. Custou 13,50 euros.

Onde comer em Sevilha: Senza
Risoto de pera com gorgonzola

Freiduría:

Outra dica de onde comer em Sevilha é esta rede é beeem famosa na cidade. Eles servem variados frutos do mar fritos ou empanados. Não cheguei a ir, mas todo mundo elogia bastante. Há várias filiais pela cidade. Os preços são mais em conta.

VIAJE CONECTADO COM ÓTIMO CHIP DE INTERNET

Mercado de Triana:

Este mercado é uma graça, cheio de restaurantezinhos aconchegantes, com opções para todos os gostos. Achei os preços, no geral, interessantes, mas não consegui parar lá para experimentar algo. Creio que vale a visita, nem que seja só para turistar.

Onde comer em Sevilha: Mercado de Triana

La casa del tesorero:

Fica bem perto da Torre del Oro, famoso ponto turístico da cidade. Todo o cardápio tem opções individuais e para dividir. De entrada, pedi um trio de pães que estava maravilhoso. Custou 3,50 euros. Em seguida, um pappardelle ao pesto com bacon. Muuuito gostoso também. O prato para dois saiu a 15,40. Além das massas, há risotos (para duas pessoas, custam cerca de 16 euros).

Onde comer em Sevilha: La casa del tesorero

LEIA MAIS:

Conheça a Plaza de Toros de Sevilha

A importância do seguro viagem

Os encantos de Madri

5 Responses

  1. Analuiza Carvalho

    Começo dizendo que acho a Andaluzía uma região incrível! Passei dias espetaculares, inesquecíveis por aí e claro que, “tapeei” um monte! 🙂 Sou uma apaixonada pelo 100 Montaditos. Acho do tipo bom e barato. Além disso tiram bom café e a cerveja é boa!

    No mercado comprei excelentes chás. Será que o lugar ainda existe?! Acho que terei que voltar para conferir! rsrsrs

  2. Flávia Donohoe

    Sevilha é um desses lugares maravilhosos da Espanha, ainda não conheço, mas com certeza quero conhecer, as dicas são muito valiosas, já dá pra incluir no roteiro.

  3. Lulu Freitas

    Fiquei com água na boca lendo esse post. Adorei Sevilha e a culinária da cidade quando estive lá. Tapas e vinho. Vinho e tapas. Me acabei! rsrs Que saudade!

  4. Marcela

    Nossa, fiquei com água na boca. Se depender de mim passo o resto da vida comendo tapas, não preciso de mais nada! Adorei as dicas para Sevilha, já quero visitar!

Deixe uma resposta