Gruta de Benagil, em Portugal: como chegar?

postado em: Algarve | 0
Gruta de Benagil

A Gruta de Benagil (ou Benagil Cave), em Portugal, é um dos lugares mais impressionantes que já conheci. Localizada na Praia de Benagil, em Carvoeiro, no Algarve, ela tem atraído cada vez mais visitantes.

Onde fica:

O Algarve, a cerca de três horas de carro de Lisboa, tem algumas regiões bastante conhecidas: além de Carvoeiro, Lagos, Lagoa, Portimão, Albufeira e Faro. Se quiser conhecer todas, você terá que alugar um veículo. Não há transporte público por lá. Só vi alguns miniônibus (no melhor estilo trenzinho da Carreta Furacão) em Portimão.

Carvoeiro fica bem perto de Lagoa, entre Portimão e Albufeira. Para chegar à Praia de Benagil, basta seguir o Google Maps, não tem erro. Digite Taruga Tours, nome da empresa que opera na praia, e encontrará com facilidade.

Um pouco antes do ponto indicado pelo mapa, você já verá um estacionamento. Pare por ali, é grátis. Não continue descendo, pois dará de cara com o estacionamento da Taruga, onde não é permitido deixar o carro (sujeito a reboque das 8h às 19h). O espaço gratuito não é tão grande e, portanto, as vagas acabam rápido. Procure chegar cedo, por volta das 8h, para garantir a sua.

Como chegar:

Para acessar a Gruta de Benagil, há quatro opções. Vou começar pela minha escolha: caiaque. Eu reservei um duplo no site da Taruga Tours. Custou 30 euros por 45 minutos (valor em 2019). Sim, é caro. Mas achei que valeu muito a pena. A distância até a gruta é curtíssima. Eu e meu namorado gastamos uns cinco minutos na travessia. Eu sou muuuito pouco hábil e tive dificuldades para remar na direção certa rsrs. Portanto, se você estiver na companhia de alguém igualmente enrolado, melhor repensar o meio de transporte. Outra alternativa é o stand up paddle. Mesmo preço e mesma duração. Crianças de até seis anos não são permitidas nessa modalidade.

POR QUE SEGURO VIAGEM É TÃO IMPORTANTE?

A empresa oferece ainda um tour de barco por 30 euros que contempla cerca de 20 grutas, incluindo a Benagil, claro. O passeio dura aproximadamente 1h15 e abrange também as praias Carvalho e Marinha. Há dez minutos de parada para mergulho: pode ser na gruta ou em alguma praia. Eu acho que não é vantajoso. Você terá tempo reduzido para curtir tanto a Benagil como os outros pontos. Só vale se estiver com o roteiro apertadíssimo no Algarve, o que também considero um erro. Trata-se de uma região para ser apreciada com a maior calma do mundo, durante, no mínimo, cinco dias.

Um outro passeio de barco da Taruga Tours tem duração de 30 minutos e sai a 15 euros. São visitadas oito grutas, dentre elas, a Benagil Cave. Contudo, não há parada para mergulho. Essa opção eu descartaria logo de cara, mas coloquei aqui para quem achar interessante. Lembrando que crianças podem fazer ambos os tours de barco.

A última alternativa é… nadar. O problema é que a água no Algarve é friiiia. Pesquisando sobre a Gruta de Benagil, li relatos de pessoas que apresentaram sinais de hipotermia. Porém, um casal de amigos resolveu nadar e não teve qualquer problema. A vantagem é que você não terá qualquer gasto e poderá desfrutar do local durante o tempo que achar necessário. Por outro lado, se amar fotos, precisará de uma câmera à prova d’água, logicamente.

A preparação:

Guichê da Taruga Tours, na Praia de Benagil

Como expliquei no tópico anterior, escolhi o caiaque. Fui na alta temporada, em agosto, período de férias escolares. Então, decidi reservar logo para as 9h, para não encontrar a gruta lotada mais tarde. Recebi um e-mail de confirmação que recomendava se apresentar no guichê às 8h45. Cheguei às 8h30 e não havia ninguém da empresa. A operação só começou mesmo às 9h. Aliás, o guichê da foto acima é destinado apenas aos que farão o passeio de barco, ok? O do caiaque é um estandezinho localizado na calçada, mais acima.

COMPRE SEU CHIP DE INTERNET PARA FICAR CONECTADO NA VIAGEM

Às 9h, um funcionário apareceu perguntando quem tinha reserva. Só eu levantei a mão e, portanto, tive prioridade no atendimento. Aparentemente, não é preciso reservar se você for aparecer cedo por lá. Conforme as horas vão avançando, contudo, o movimento aumenta demais. Em conclusão: para não correr o risco de ficar esperando até haver um caiaque disponível, melhor deixar reservado no site, né? Ah, e só aceitam dinheiro em espécie. Evite as notas de valores altos para facilitar o troco.

Em seguida, coloquei uma pulseirinha de identificação e me encaminhei para a areia, para pegar a embarcação. A sinalização é ótima, o que evita qualquer contratempo. Por via das dúvidas, coloquei o celular naquelas bolsas plásticas próprias para aparelho, que podem ser penduradas no pescoço. Se não tiver, acho uma boa adquirir. São baratas e protegem bem os pertences.

Gruta de Benagil

Gruta de Benagil:

A Gruta de Benagil é encantadora e tem inclusive uma faixa de areia. A maior incidência de raios solares se dá entre 11h e 13h, mas eu achei lindo mais cedo de qualquer forma. A dica é tirar fotos em cima da pedra da esquerda, como na primeira imagem deste post. Assim, conseguirá fazer com que apareça aquele grande círculo.

Aliás, dá para chegar lá em cima. Não sei de qual forma porque não tentei, mas não deve ser difícil achar o caminho depois de perguntar para alguém da empresa. E, pelo que soube, a trilha é tranquila.

Por fim, a Praia de Benagil é bem simpática e conta com uma lanchonete ao lado dos guichês da Taruga Tours. Entretanto, sua faixa de areia não é lá tão extensa. Sem contar o grande vaivém por causa da gruta. Se quiser um local mais tranquilo, recomendo seguir para a Praia da Marinha, a menos de dez minutos de carro.

Gruta de Benagil
Os barcos e caiaques entram pela fenda ao fundo

LEIA MAIS:

Visite Cascais e Sintra

Os encantos de Madri

Barcelona, cidade imperdível

O que não deixar de fazer em Paris

Deixe uma resposta